Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
pauloantoniofdh

Entrevista: Curitibanos Da Aduge Falam Sobre a Criação Do Indie Qasir Al-Wasat

Os Melhores E Os Piores Mestrados Profissionais Do Brasil Hoje


Sou pouco tempo atrás formado em Engenharia Civil (Mestrado Integrado - UC). Há várias teorias sobre isto que área é a melhor para escolher. Na minha posição a escolha é muito descomplicado: escolher a área que se gosta mais! Há quem diga que esta ou aquela especialização tem mais emprego, ou a outra, todavia acompanhando o que tem acontecido a conhecidos meus que têm ingressado no mercado de trabalho, isto não é bem por isso. O defeito também acaba por ser relativa.


Houve muita, muita procura sobre isto os elementos da data, recinto, iconografia, arquitetura e várias novas pequenas coisas. E sim, tivemos assistência de uma historiadora no método, Elaine Senko, que nos ajudou bastante nos direcionando a aparato e artigos sobre o período. Nós tivemos muita inquietação com coerência e consistência histórica nos elementos que existem no cenário e com os dados anunciados. Apesar de todo esse cuidado, mas, o Qasir ter esta temática foi quase um acaso, sem nenhuma motivação prévia. Nós aprendemos bastante a respeito da cultura árabe com o projeto e quem sabe esta seja a motivação que nos levou a fazer o jogo nesta temática.


Essa nossa desejo de conhecer culturas diferentes, aprendê-las e traduzí-las sempre que ficção/jogo da nossa maneira, com a nossa carga cultural brasileira. Poderia ter sido qualquer outra cultura, no entanto a cultura árabe foi para onde o projeto nos levou nesse caso específico. 5 Formas De Aperfeiçoar Tua Letra Pra Redação Do Vestibular : Um dos elementos mais consideráveis de Qasir é seu design de som.


De onde surgiu a ideia de formar músicas aleatórias a partir das ações pela tela? Vocês trabalharam em parceria com um estúdio ou produziram toda a trilha, utilizando instrumentos árabes? Bruno Bulhões: Marcel Pace, nosso sound designer, teve essa idéia no projeto que deu origem ao Qasir que eu citei em um momento anterior, o Tsar.


A idéia era que o personagem tinha uma sabedoria distinto do universo em conexão à nossa e chegamos a conclusão de que isto se traduziria tanto visualmente quanto sonoramente. Humanos são seres caricatos e fracos pela visão do espírito invisível e isso é claramente apresentado visualmente com a aparência cartunesca e abstrata dos guardas e residentes do palácio. Como Passar Em Provas E Concursos De William Douglas , o Marcel passou bastante tempo tentando interpretar o que seria um som abstrato ou cartunesco. No encerramento, após inspirar-se em Prokofiev e pela técnica conhecida como Mickey Mousing ele teve a idéia de fazer um jogo onde não existe trilha sonora e os sons dos personagens são instrumentos musicais.



Testamos isso no começo do Qasir e vimos que poderia oferecer muito direito e desse jeito mergulhamos de cabeça na idéia. O Marcel trabalhou sozinho com seus instrumentos utilizando instrumentos sintetizados. Não houve nada de outro universo ou muito avançado, apenas um laptop, os softwares certos e uma sensacional dose de criatividade e paciência.


Arena: Vocês possem planos para lançar Qasir em novas plataformas, além do Micro computador e Mac? Cursos Online Asseguram Profissionalizar Mercado Da Música uma versão em português? Bruno Bulhões: Provavelmente o Qasir vai prosseguir somente pra Mac e Pc mesmo, não temos nenhum plano no instante de levá-lo a novas plataformas. A versão em português neste instante está sendo desenvolvida sim e temos planos para traduzir para no mínimo mais 6 outras linguas. Arena: Quais outros projetos vocês estão trabalhando no momento?


  • 2 Santander Ibero-americanas estão abertas até o dia 9 de junho
  • 3 Cursos a Distância 4.3.1 SATE
  • Rita argumentou
  • Você neste momento perdeu alguma oportunidade por não comentar inglês
  • Redes de Serviços Cooperados

Bruno Bulhões: No momento não temos nenhum projeto oficialmente em andamento. Tenho um projeto pessoal em conjunto com a Ingrid, que está ainda em conceituação, entretanto é bem cedo para discutir cada coisa. Temos incalculáveis projetos arquivados em diferentes estágios, como essa de ideias e protótipos de jogo jams que podemos trabalhar. Provavelmente só iremos começar a trabalhar sério em nosso próximo projeto depois de voltarmos do IndieCade, em outubro.


Por fim, necessitamos de um tanto de descanso, em razão de o Qasir foi um projeto bastante forte. Ou vocês descobrem que a maioria das pessoas prefere deixar "tópicos sérios" para novas mídias e continuarão buscando nos videogames somente escapismo e diversão? Tabela De Episódios De Shake It Up (primeira Temporada) : Minha visão pessoal é que o debate "jogos são arte?" é uma perda de tempo, durante o tempo que discussão.


Jogos são uma mídia que uma pessoa ou um grupo de pessoas podem usar para se expressar e notificar-se com outros, se isso talvez pode ser considerado arte ou não, pouco importa. O que interessa é o que fazemos com esta competência dos jogos e qual é a gravidade que podemos dos jogos pra cultura como um todo.


Don't be the product, buy the product!

Schweinderl